Conselho Deliberativo SBN – O Futuro Pelas Ações do Presente

O Conselho Deliberativo da SBN como órgão colegiado expressa em tempo real amostra do pensamento dos neurocirurgiões afiliados, buscando, nisso, consenso para normatizar, fiscalizar e arbitrar as atividades da Sociedade. Harmoniza as distintas tendências presentes entre os associados.

Como instituição, vem se aprimorando, buscando agilidade e eficiência para melhor orientar os caminhos a serem seguidos e instrumentar a Diretoria em sua função executiva.

No biênio 2017-18 foram implementados instrumentos na gestão do CD que aumentaram a informação sobre as pautas propostas, permitindo melhor análise dos temas, discussões concisas e decisões sedimentadas, bem como a verificação da execução destas. As atas contém detalhadamente os temas tratados e estão a disposição dos associados para conhecimento.

Cabe mencionar com satisfação e reconhecimento o completo envolvimento dos Srs. Conselheiros na missão que lhes foi atribuída e chamar a atenção para maturidade e desprendimento com que foram tratados os assuntos de relevância para a Sociedade.

Ênfase foi dada ao cumprimento dos regramentos societários, aderentes aos princípios da transparência e equidade nas decisões que envolvem o presente e o futuro da SBN, da neurocirurgia no Brasil e dos neurocirurgiões.

Da maior relevância foi o estudo da situação da neurocirurgia em nosso país, permitindo entender a distribuição estadual e microrregional dos neurocirurgiões, a capacidade instalada de leitos neurocirúrgicos, a densidade de vagas para residência em neurocirurgia e as desigualdades de oferta e formação de neurocirurgiões a merecer políticas de ajuste para corrigi-las. Por determinação do CD foi contratado pela Diretoria o núcleo de Demografia Médica, do Departamento de Medicina Preventiva da USP, sob orientação do Prof. Mario Scheffer, para auxiliar a promover pesquisa que, com rigor científico, estudou múltiplos bancos de dados para produzir um panorama fiel da atividade neurocirúrgica local, comparando-a com os parâmetros internacionais. Isto cumpre determinação gerada em Assembleia Geral da SBN de promover ações para equilibrar a formação e a demanda de neurocirurgiões, identificando o número de novos neurocirurgiões necessários no futuro, levando em consideração a evolução da população brasileira e a vida útil de um neurocirurgião.

Contextualizando, somos 3540 neurocirurgiões, 1,7/100.000 habitantes, onde o crescimento populacional vem diminuindo e o número de residentes em neurocirurgia aumenta desproporcionalmente, sem considerar o contingente populacional sem acesso ao sistema de saúde e a falta de condições para o exercício da neurocirurgia.

Por certo, as ações necessárias contemplam cenários de formação e qualificação dos Centros de Treinamento SBN, de forma cada vez mais integrada com as políticas em transformação no Ministério da Educação e Comissão Nacional de Residência Médica.

Com estas metas, o Conselho Deliberativo construiu novo Protocolo da Comissão de Credenciamento da SBN a ser implementado no ano vindouro. Elaborado para permitir o ranqueamento dos Centros de Treinamento por sistema de pontuação em acordo com as definições da SBN, garante avaliação isenta a partir de dados objetivos coletados através de sistema informatizado. Da mesma forma, oferece à Comissão de Credenciamento a oportunidade de avaliação em tempo real dos programas de formação e guia claro para o aprimoramento dos serviços. Os candidatos a residente poderão se valer deste escore para eleger onde desejam treinar-se. Cabe ao Conselho Deliberativo definir o ponto de corte para a preservação da credencial para treinamento de residentes.

A ação combinada destas duas iniciativas deverá proporcionar melhor regulação da formação e assistência em neurocirurgia.

Aos que encerram seus mandatos o nosso agradecimento e ao próximo CD o desejo que tenham profícuo trabalho.

A hora é de aproximarmo-nos e cuidar do nosso presente e futuro com o bom jeito que somente unidos conseguiremos fazer.

Luiz Carlos de Alencastro
Presidente do CD 2016-18

Marcos Masini
Secretário do CD 2016-18