Tributo ao Dr. Stênio Holanda Filho

Dia 10 de janeiro de 2018, às 03h58, a Sociedade Brasileira de Neurocirurgia perdeu um guerreiro; os pacientes perderam um neurocirurgião inteligente e trabalhador; os amigos perderam um parceiro; a família perdeu um amor.

Ganhamos um exemplo de dedicação, um batalhador que mesmo diante da mais difícil das batalhas, nem sequer pestanejou ao ir à luta. Continuou firme e ainda nos brindou compartilhando o conhecimento da neuroanatomia, reconhecido até mesmo por mestres, como o Dr. Albert Rhoton Jr., e compilado no livro “Neuroanatomia prática e ilustrada -3D”. Toda a obra foi produzida em meio ao turbilhão de tempestades e tratamentos que ele enfrentava, mas nem assim ele desistiu.

A grande motivação dele, desde a infância, sempre foi o estudo e a busca pelo melhor para quem o rodeava. Todos o admiravam e respeitavam, desde o faxineiro, a bibliotecária, ao diretor da escola e faculdade; e mais tarde, todos os funcionários e colegas dos hospitais por onde passou: Hospital Mandaqui, Hospital do Servidor Estadual, Hospital AC Camargo, Hospital Brigadeiro e BP – A Beneficência Portuguesa de São Paulo.

“O sentimento é de uma partida prematura de um jovem que ainda tinha muitos sonhos pela frente.”- Dr. Carlos Vanderlei M. de Holanda. Mas o maior de todos os sonhos dele foi realizado: ser neurocirurgião e ajudar muitos pacientes e, só por isso, todo o sacrifício já valeu a pena.

Vanessa M. Holanda

Neurocirurgiã e Prima-irmã (denominada por ele)

Velório dia 11/01 no Cemitério Caminho da Paz

Endereço: BR 230 – KM 12 – Road – Lot. Nossa Sra. da Conceição, Cabedelo – PB, 58310-000